sexta-feira, 22 de julho de 2011

O AMIGO DE DEUS AMA A BÍBLIA - LIÇÃO 04 JARDIM DA INFÂNCIA




Texto Bíblico: Neemias 8.1-12

I - De professor para professor

Prezado professor, neste domingo o objetivo da lição é que a criança aprenda a amar a Palavra de Deus. 

•  A Palavra deste domingo é “Bíblia”. No decorrer da aula diga: “O amigo de Deus ama a Bíblia”.

•  Ensine aos pequenos a amar e desejar conhecer a cada dia mais a Palavra de Deus.

II Saiba Mais 

Por que a Bíblia encoraja a memorização de versículos? Para que a Palavra de Deus escondida na mente e no coração das crianças, possa guiá-las: “Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e luz, para o meu caminho” (Sl 119.105). Os elogios e os prêmios ajudam a motivar a memorização de versículos. Mas o ensino das Sagradas Escrituras deve ir além da memorização as crianças devem entender e compreender os versículos. 

Extraído do Livro: Ensine Sobre Deus Às Crianças, CPAD

III - Conversando com o professor

“Porque Esdras tinha preparado o seu coração para buscar a Lei do Senhor, e para cumprir, e para ensinar em Israel os seus estatutos e os seus direitos” Ed 7.10. 

Aproximadamente oitenta anos depois de reedificado o templo sob Zorobabel, Esdras retornou para Judá. Ele recebeu uma carta de Artaxerxes, instruindo-o a executar o programa de educação religiosa. Como parte de sua prestigiada tarefa, Esdras deu início ao último despertamento no Antigo Testamento. 

As realizações de Esdras podem ser atribuídas à sua obediência diligente a Palavra de Deus. Ele estudou-a seriamente a aplicou-a com fidelidade. Esdras nos afirma que a realização pessoal deve ser secundária diante do compromisso pessoal de viver par Deus. Seu crescente relacionamento com Deus é mais lucrativo para você e sua família do que qualquer aumento, promoção, ou posição no padrão social. O que seu estilo de vida revela sobre suas prioridades? Que mudanças você poderia incorporar para manter seu tempo a sós com Deus? 

Extraído do livro: 365 Lições de Vida Extraídas de Personagens da Bíblia, editado pela CPAD.

IV – Sugestão

Você vai precisar de palitos de churrasco (redondinho), papel ofício, cola e caneta.
Escreva o versículo do dia na folha de papel ofício, depois cole um palito de churrasco na parte superior da folha e outro na parte inferior. Depois enrole o papel no palito, formando um rolo. Faça um para cada criança e explique que antigamente a Bíblia era assim em rolos, e que as pessoas não tinham um exemplar das Sagradas Escrituras em casa. Peça para as crianças abrirem e lerem o versículo.



Encontramos esta sugestão:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por sua visita.Deixe aqui o seu comentário e responderemos assim que possível.

ORIGEM DA ESCOLA DOMINICAL

Os missionários escoceses Robert (1809/1888) e Sara Kalley (1825/1907) são considerados os fundadores da Escola Dominical no Brasil. Em 19 de agosto de 1855, na cidade imperial de Petrópolis, no Rio de Janeiro, eles dirigiram a primeira Escola Dominical em terras brasileiras. Sua audiência não era grande; apenas cinco crianças assistiram àquela aula. Mas foi suficiente para que seu trabalho florecesse e alcançasse os lugares mais retirados de nosso país. Essa mesma Escola Dominical deu origem à Igreja Congregacional no Brasil.

Hoje, no local onde funcionou a primeira Escola Dominical do Brasil, acha-se instalado um colégio (Colégio Opção, R. Casemiro de Abreu – segundo informações da Igreja Congregacional de Petrópolis). Mas ainda é possível ver o memorial que registra este tão singular momento do ensino da Palavra de Deus em nossa terra.

Houve, sim, reuniões de Escola Dominical antes de 1855, no Rio de Janeiro, porém, em caráter interno e no idioma inglês, entre os membros da comunidade americana.

Fonte:ensinodominical.wordpress.com