....................

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

É BOM COMPETIR? - LIÇÃO 10 ADOLESCENTES



Texto Bíblico: Lucas 22.24-28

Os discípulos de Jesus competiram entre si, eles queriam saber qual deles era o mais importante.

Quase três anos juntos com Jesus eles ainda não haviam purificado o coração do egoísmo. Na sociedade a grandeza é sinônimo de autoridade e de posição elevada.  No Reino de Cristo, a grandeza é mais do que um título e mais do que uma posição de autoridade.
 
Espera-se que os mais jovens demonstrem consideração pelos mais velhos.  Esta mesma consideração ou humildade é demonstrada por aquele que é “grande” no reino de Deus. A humildade é uma das maiores qualidades da verdadeira grandeza.

Servir deve ser uma marca de distinção: quanto maior o serviço prestado, maior o homem. Todos os cristãos devem ser servos – de Deus e dos seus semelhantes.

Em Lucas 22.27 Jesus lançou uma pergunta aos seus discípulos, “Quem é o mais importante? É o que está sentado à mesa para comer ou é o que está servindo? Nos dias de Jesus, a resposta quase universal a esta pergunta seria que aquele que estivesse sentado à mesa seria o maior. O servo era um mero escravo. Assim, Jesus responde a sua própria pergunta em termos do conceito predominante de grandeza: Não é quem está à mesa? É quase como se Ele estivesse concordando com noção popular, porém é contra este conhecimento hipotético que Ele diz: “Eu, porém, entre vós sou como aquele que serve”. Jesus está dizendo que servir é um emblema da verdadeira grandeza. Ele também está dizendo que mesmo em um mundo onde a visão oposta é que vigora, onde a autoridade e a posição de grandeza, e onde um servo vale quase nada, o cristão deve seguir o caminho do servir. Á medida que cada cristão segue este caminho, enxerga as divinas pegadas que mostram que o Mestre passou por ali antes dele. 

Texto adaptado do: comentário Bíblico Beacon, editado pela CPAD.

Sugestão: Professor, ensine os seus alunos a grandeza no servir. Para tornar o ensino prático, sugerimos a organização de um café da manhã para sua classe. A regra do café será um servindo ao outro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por sua visita.Deixe aqui o seu comentário e responderemos assim que possível.

ORIGEM DA ESCOLA DOMINICAL

Os missionários escoceses Robert (1809/1888) e Sara Kalley (1825/1907) são considerados os fundadores da Escola Dominical no Brasil. Em 19 de agosto de 1855, na cidade imperial de Petrópolis, no Rio de Janeiro, eles dirigiram a primeira Escola Dominical em terras brasileiras. Sua audiência não era grande; apenas cinco crianças assistiram àquela aula. Mas foi suficiente para que seu trabalho florecesse e alcançasse os lugares mais retirados de nosso país. Essa mesma Escola Dominical deu origem à Igreja Congregacional no Brasil.

Hoje, no local onde funcionou a primeira Escola Dominical do Brasil, acha-se instalado um colégio (Colégio Opção, R. Casemiro de Abreu – segundo informações da Igreja Congregacional de Petrópolis). Mas ainda é possível ver o memorial que registra este tão singular momento do ensino da Palavra de Deus em nossa terra.

Houve, sim, reuniões de Escola Dominical antes de 1855, no Rio de Janeiro, porém, em caráter interno e no idioma inglês, entre os membros da comunidade americana.

Fonte:ensinodominical.wordpress.com